Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Música: Seven Seas of Rhye

por Rei Bacalhau, em 17.08.14

Acho que já passa algum tempo desde a última vez que falei de Queen num post de música. Hoje vou-vos falar da mítica terra de Rhye.

 

O nome não é familiar? Ou talvez seja!? Bons conhecedores já estarão a pensar na música Seven Seas of Rhye, dos Queen, e têm absoluta razão para o fazer. 

 

A música fala então da terra de Rhye, e na sua fantástica mas incompreensível letra tem-se a noção de um conquistador que deseja Rhye e os seus sete mares, provavelmente simbolizando todo esse mundo. Para atingir isto, esse conquistador enfrenta, sem temor algum, todos os obstáculos que se lhe colocam à frente, aplicando o domínio pela força, se necessário! De notar que Rhye é um mundo imaginário inventado pelo Farrokh... err.. perdão, pelo Freddie e pela sua irmã (nota: não encontrei nada que suporte esta última frase, mas lembro-me de ter lido isto algures).

 

Dando mais ênfase à letra da música, admito que foi-me absolutamente impossível compreendê-la na íntegra sem visitar uma daqueles sítios da internet com a letra da música. Uma das razões é a falta de vocabulário inglês, que não me permitia perceber todas as palavras, deixando-me apenas a imaginar o que é que poderia ser, substituindo-a por um "na na na" ao reproduzi-la vocalmente. Ah! mas assim que consegui decorá-la passei a cantá-la a altos brados no chuveiro (ou mais discretamente se houvesse a possibilidade de estar alguém a ouvir). Compreende, caro leitor, que algumas frequências vocais atingidas pelo Roger Taylor não são possíveis para o mortal comum.

 

A nível de instrumentação, acho que não me surpreendeu nada quando descobri que a música apareceu no segundo álbum da banda, quando estavam a cimentar o seu estilo de rock pesado (eu até gostaria de dizer heavy-metal, mas há alguns puristas que dizem que o heavy metal são coisas muito específicas e qualquer coisa que saia daqueles acordes ou não sei quê já não pode ser considerado heavy metal; enfim, deixo essa discussão para depois). Estranhamente, pelo espírito infudido na música, quase nos dá a sensação de estar num barco pirata a conquistar os mares e a saquear portos indefesos ao som dos ventos e dos trovejares e dos gritos e dos cânticos e dos canhões!

 

Se é verdade que os Queen foram das primeiras bandas que conheci, já que o álbum dos "best of" tocava regularmente em casa à medida que fui crescendo, também é verdade que nunca ouvi as músicas com a atenção devida. Esta, em específico, estava esquecida para o final do álbum, o que é uma pena pela importância que tem em demonstrar o que é que os Queen faziam antes de se virarem para as massas e para o pop-rock. O álbum Queen II é importantíssimo nesse aspecto, e Seven Seas of Rhye é apenas a primeira música de várias que colocarei aqui, caso haja pachorra, ao longo do tempo.

 

Seven Seas of Rhye, dos Queen, para ouvir, e ouvir de novo:

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 00:00




calendário

Agosto 2014

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D