Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




The Road To Hell

por Rei Bacalhau, em 04.12.16

I met a girl who sang the blues

And I asked her for some happy news

But she just smiled and turned away

 

Este excerto de letra, escrito de memória, é um tributo de Don McLean a Janis Joplin, e apenas uma das dezenas de referências da música mais famosa dele, American Pie. Escolhi começar este texto com aqueles versos em particular porque recentemente tive uma notícia musical que me aborreceu ligeiramente, eufemisticamente falando.

Liguei o rádio do carro, sintonizado por norma na Rádio Nostalgia, e estava por acaso a dar uma música dos Rolling Stones (acho eu). Não reparei eu imediatamente que o nome da rádio mudara para SBSR.

"Oh diabo", pensei eu, obviamente, quando finalmente me apercebi da anomalia. Fiz as verificações devidas e confirmei que estava sintonizado na banda correcta. Pensei naturalmente que fosse alguma falha temporária e não pensei mais no assunto.

 

Entretanto descobri que efectivamente a Nostalgia deixou de existir, e essa tal SBSR tem alguma coisa a ver com o Super Bock Super Rock (ou é Super Rock Super Bock? não sei, umas das duas).

Consequentemente, tracei pontes simbólicas com a música referida do Don McLean, já que o verso mais sentido do tema inteiro é algo do género:

 

But something touched me deep inside

The day...

The Music...

Died

 

Eu não quero comparar a morte do Buddy Holly (a música é sobre isso) à restruturação de uma estação de rádio, mas é óbvio que me faz mossa saber que a minha estação favorita deixou de existir como eu gostava dela.

Tendo em conta que os temas tocados eram focados à volta dos anos 60, 70 e 80, arriscando-se nalgumas aventuras não necessariamente comerciais, não é de admirar que a estação não fosse financeiramente fiável. Não é qualquer um que tem a coragem de tocar o Tunnel of Love dos DIre Straits na sua totalidade como eu ouvi acontecer.

 

Posso dizer que muitas vezes o programa "Slow Dance" me acompanhou quando voltava para casa à meia noite depois de um dia de trabalho. Aprendi a gostar de tantos incontáveis artistas e descobri tantas músicas... Enfim... Não quero já ficar nostálgico, quando for velho terei tempo para isso.

 

Parece-me apenas apropriado que eu partilhe uma música adequada à ocasião que eu descobri atrás desta defunta estação, em homenagem às almas negras logicamente capitalistas que me roubaram algo que nem sequer era meu.

 

Chris Rea, com The Road to Hell (parte I e II):

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

publicado às 00:47




calendário

Dezembro 2016

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D